#1 Curadoria de Notícias de Impacto Positivo

Essa é a primeira rodada do Notícias de Impacto Positivo, uma curadoria semanal de artigos que compartilham mais das ações que precisamos ver no mundo. A idéia da curadoria de notícias surgiu das mensagens que recebemos após lançar o primeiro episódio do podcast Impacto Positivo com o Dr Walter Steenbock. Nessas mensagens as pessoas começaram a compartilhar artigos com assuntos que se relacionam com a proposta do Impacto Positivo. Decidimos então ‘acatar’ a idéia  dos ouvintes e leitores e compartilhar com todos o que temos recebido.

Se você também quer enviar notícias de impacto positivo para serem compartilhadas, você pode compartilhar os artigos direto em nossa página no Facebook ou enviar sua sugestão por email para info_arroba_euricovianna.com.br com o título “link para o Notícias de Impacto Positivo”.

Vamos às notícias que recebemos essa semana:

Cidade de PE é 1ª do país a dar a rios mesmos direitos de cidadãos.

Essa notícia foi compartilhada na rede pelo permacultor, pai, esposo e líder comunitário na cidade do Crato, Paulo Campos. A história do Paulo e da Luciana, sua esposa, sairá em breve no podcast Impacto Positivo.

Você já pensou que a natureza tem direitos? Com forte base no conjunto de conhecimento e saberes indígenas a Constituição Equatoriana de 2008, em seus Artigos 71 e 72 reconhece os ‘direitos da natureza’. Esses direitos trazem à tona um paradigma ecocêntrico, ou seja, que tem a natureza como ente e agente e toda rede ecológica do planeta como objeto central. Essa visão se opõe ao paradigma atual da sociedade de consumo ocidental, que é antropocêntrico. Em outras palavras, que posiciona a humanidade como elemento mais importante do planeta e a natureza apenas como um conjuntos de recursos a serem explorados pela humanidade.

Pois bem, no município de Bonito, em Pernambuco, as serras verdes e as cachoeiras passaram a ter direitos próprios, assim como os cidadãos. “O município é o primeiro do país a encampar essa tese, que tem crescido no mundo com apoio da ONU”. Em países como o Equador, a Nova Zelândia e a Índia essa linha de pensamento e ativismo tem crescido muito.

Tatu Gigante é visto no Parque Nacional de Brasília.

Notícia garimpada na rede. Entramos há alguns anos na era geológica do Antropoceno, uma era geológica que a ação de uma mineradora movimenta mais sedimentos que todos os rios do planeta juntos. Também é no Antropoceno que humanos tem causado a maior extinção em massa na história da vida no planeta. Alguns centros de pesquisa calculam que perdemos, para sempre, dúzias de espécies todos os dias. Então quando vemos um tatu-canastra em plena ação no parque nacional, isso é para todos nós motivo de grande satisfação.

Conheça homens e mulheres que optaram por uma vida mais simples.

Notícia de 2013, porém super atual, postada pelo pessoal do Econdomínio Confraria – a Ecovila do Séc. XXI.  “Na contramão da sociedade contemporânea, homens e mulheres optam por uma vida mais simples. Eles garantem que são mais felizes. Conheça as histórias”.

120 DIAS de seca só com Água de CHUVA?

Tendo a água como centro de muitos debates e ações importantes nas última semanas, esse vídeo feito no Sítio Nós na Teia mostra como é possível viver com um ‘orçamento hídrico’ captando água da chuva e ainda ‘plantar’ mais água enquanto se recupera áreas degradadas. Os proprietários do sítio, o Arquiteto Sérgio Pamplona e a educadora Mônica Carapeços, já foram entrevistados pelo Impacto Positivo e em breve compartilharei a entrevista com eles.

Eu vou ficando por aqui com as Notícias de Impacto Positivo da semana. De novo, se você gostou da proposta e quer causar um impacto positivo na sua comunidade e nas suas redes sociais, compartilhe o conteúdo. E, para enviar notícias de impacto positivo é só compartilhar os artigos direto em nossa página no Facebook ou enviar sua sugestão por email para info_arroba_euricovianna.com.br com o título “link para o Notícias de Impacto Positivo”.

Sigamos juntos, porque mudança boa, se faz em boa companhia!