A Plataforma Regrarians e a Escala de Permanência da Linha Chave

“O papel da agricultura é produzir alimentos e fibra enquanto o solo é constantemente melhorado”. A intenção da “Escala de Permanência da Linha Chave de todas as coisas agriculturáveis”* era de estabelecer uma ordem de prioridade para a tomada de decisão no planejamento de propriedades rurais e entender a permanência relativa de suas respectivas áreas.

* P.A. Yeomans (1958). The Challenge of Landscape.

Nota: O artigo que segue é uma tradução livre feita por mim, Eurico Vianna, das sessões 1.03, 1.04 e 1.05 do capítulo Climate do Manual (Handbook) Regrarians, escrito por Darren Doherty e ilustrado por Andrew Jeeves em 2013. Durante os dias 1 e 9 de Setembro eu estarei com a equipe da Escola de Permacultura na Serra da Mantiqueira, ministrando um curso sobre Agricultura Regenerativa que aborda a Tomada de Decisão Holística, a Escala de Permanência da Linha Chave e o Desenho Permacultural.

A Escala de Permanência da Linha Chave

O Clima de determinada área, por exemplo, é relativamente fixo e quase impossível de ser mudado pela pessoa que maneja a área. O Formato do Terreno (Topografia) também é difícil de mudar, embora pequenas mudanças possam ser feitas com o uso de maquinário pesado. A quantidade Água disponível em uma área é uma consequência natural do Clima e da Topografia, muito embora mais água da chuva possa ser coletada e armazenada com alguns ajustes na topografia. As Estradas de Acesso são elementos bastante permanentes e tipicamente duram mais que as Árvores ou Edificações. Embora a prática da Linha Chave possa criar solos vivos e saudáveis rapidamente, as Cercas (de subdivisões) Internas comumente duram mais que o solo sob uso da agricultura industrial.

Outras pessoas adaptaram a Escala de Permanência da Linha Chave com o objetivo de desenvolver uma estrutura priorizada de desenho e implementação.

Leitura Recomendada: Yeomans, P.A. (1958). The Challenge of Landscape – The Development and Practice of Keyline. Keyline Publishing, Sydney.

A Plataforma Regrarians

Como idealizador e co-fundador da Regrarians LTDA., desde 2006 eu (Darren Doherty) desenvolvi o que hoje é conhecido como a Plataforma Regrarians. Essa plataforma cobre assuntos amplos como parte de sua estratégia global de treinamentos, consultorias, desenhos (projetos) e publicações. A gênesis da Plataforma Regrarians se origina com P.A. Yeomans e sua Escala de Pemanência da Linha Chave, desenvolvida em 1958. A Plataforma Regrarians foi criada para determinar a ordem de prioridade implementação dos elementos no desenvolvimento de propriedades rurais, a sua respectiva permanência e a ordem na qual desenhamos (projetamos) uma determinada área.

A Regrarians LTDA. expandiu cada elemento além do aspecto físico fazendo mudanças para melhor refletir nossa ênfase e adição de dois novos elementos (Economia e Energia) à Escala de Permanência original de Yeomans.

A Plataforma Regrarians também inclui contribuições de alguns sistemas de desenho ecológico e tomada de decisão. Essas contribuições incluem o trabalho de Allan Savory, do Instituto Savory e do Movimento do Gerenciamento Holístico, especialmente de Kirk Gadzia e do finado Bruce Ward; de David Holmgren and Bill Mollison e outros no movimento de Desenho Permacultural; assim como de John and Nancy Jack Todd, Sim Van der Ryn, Dr. Vandana Shiva, Art Ludwig, Ethan Roland and Gregory Landua.

Todas as consultorias e treinamentos da Regrarians LTDA seguem a ordem da Plataforma Regrarians:

  1. Clima – desenvolvendo as ‘regras de engajamento’ do ‘clima’ humano para todos os envolvidos em um projeto enquanto geramos o entendimento das atividades que o clima biosférico nos permitem executar
  2. Geografia – analisando mapas aéreos, topográficos, etc. para trazer um contexto físico e local para o empreendimento.
  3. A Água – torna a vida possível, por isso designamos bastante tempo em consultorias e treinamento para colocar a “água sob controle” (Mollison, B., 1995; comunicação pessoal), “fazê-la desenhar suas tarefas”(ibidem), e deixar a propriedade em um estado melhor do que quando a encontramos.
  4. A implementação do Acesso traz muitas dificuldades de desenho e implementação de maneira correta em grande ou pequena escala para a maioria das pessoas. Nós definimos essas artérias de movimento e sua engenharia com a ajuda da análise da Geografia e da Água.
  5. Os Sistemas Agroflorestais podem variar bastante com uma miríade de formas naturais ou projetadas. Praticamente todas as paisagens econômicas fazem parte de complexos florestais e na Plataforma Regrarians os sitemas agroflorestais e sua localização são definidos pelos elementos 1 a 4 da Escala.
  6. As Edificações frequentemente são peças caras de infraestrutura que demandam planejamento e engenharia detalhadas. Na Plataforma Regrarians a localização integrada dessas é bem determinada pelos 5 elementos anteriores na Escala de Permanência.
  7. A localização das Cercas é uma marca registrada da nossa domesticação de várias espécies, particularmente da pecuária. Sistemas tradicionais são caros de se construir e implementar. O advento da cerca elétrica revolucionou nossa habilidade de manejar terrenos nos permitindo seguir padrões topográficos e o comportamento natural dos animais.
  8. Os Solos são a base da vida e portanto um foco importante. Nós precisamos cuidar do ‘todo’ para poder apoiar sua base. A Regrarians se concentra em determinar os tratamentos mais economicamente eficientes para regenerar o solo à partir dos vários que já existem.
  9. A Economia é motivada pela nossa análise dos elementos anteriores, em especial o Clima e a Geografia. Essa análise e o nosso planejamento consecutivo se concentra em liderar as engrenagens econômicas dos vários fluxos de capital que, como os solos, são frágeis e formam a base regenerativa do ‘todo’ (Roland, E. e Landua, G.; 2008. Comunicação pessoal).
  10. A Energia é o combustível vital de todos os elementos que propulsionam qualquer sistema. Portanto nós nos concentramos em organizar sistemas de energia que regeneram ao invés de atrofiarem, mantendo em mente seu custo-benefício em um campo que se desenvolve rapidamente.

Um Resumo da Plataforma Regrarians

  1. CLIMA – Você, o empreendimento, o risco e o clima.
  2. GEOGRAFIA – Topografia do terreno, seus componentes e a proximidade.
  3. ÁGUA – Armazenamento, captação e reticulação.
  4. ACESSO – Pistas, estradas, trilhas, feiras (mercado), utilidades e pessoas.
  5. SISTEMAS AGROFLORESTAIS – em talhões densos, proteção (barreiras de vento, ruído, etc.), savana, pomares e naturais.
  6. EDIFICAÇÕES – Casas, galpões, portáteis, pátios.
  7. CERCAS – Permanentes, elétricas, cruzamentos, vivas.
  8. SOLOS – Pastagem planejada, sais minerais, fertilidade, cultivos.
  9. ECONOMIA – Análise, estratégia, valor agregado.
  10. ENERGIA – Fotossíntese, produção, armazenamento.

O Contexto Moderno

POR MILHARES DE ANOS as pessoas tem criado inovações de sucesso e tido revelações que influenciaram milhares de produtores de alimento por todo o mundo. Entretanto o contexto de suas aplicações frequentemente não é integrativo e como resultado muitos sistemas sofrem com isso. A evolução dessas inovações e revelações é outra questão que esse manual aborda, juntamente com como ajudar você a decidir quais incluir ou excluir de seu projeto.

Os primeiros princípios que os Regrarians devem considerar são:

  1. Trabalhamos com ECOssistemas e não EGOssistemas.
  2. Integramos quaisquer metodologias, técnicas e sistemas de crença como ferramentas a serem testadas.
  3. Estabeleça o capital e a infraestrutura da natureza com os humanos como um organismo funcional e regenerativo.
  4. Evolua da Era do Petróleo para a Era do Solo.
  5. É necessário ser Azul (ter água) antes que possamos ser Verdes (em vegetação e dinheiro) e Negros (carbono e lucro).
  6. Uma ecologia vegetariana não existe.
  7. Para que agroecologias regenerativas possam funcionar precisamos cuidar de todos os níveis tróficos.

AS APLICAÇÕES GERAIS dos princípios, metodologias, técnicas e crenças listadas nesse manual incluem:

  • Propriedades Rurais
  • Arquitetura
  • Paisagismo
  • Engenharia
  • Agricultura/Horticultura/Sistemas Agroflorestais
  • Hortas caseiras
  • Ciências agropecuárias
  • Desenho, planejamento e urbanismo de áreas urbanas, suburbanas e periurbanas.
  • Economia doméstica.

Eu abordei a Escala de Permanência da Linha Chave nesse outro artigo anterior.

Nota: Para os que tem se interessado pelo meu trabalho com desenho regenerativo, durante o mês de setembro estarei no Brasil ministrando alguns cursos e oficinas.
– Entre os dias 1 e 9 de Setembro estarei ministrando o curso Agricultura Regenerativacom a equipe da Escola de Permacultura na Serra da Mantiqueira, MG. Esse curso oferece 3 módulos: Tomada de Decisão Holística, Planejamento de Propriedades Rurais com a Escala da Permanência da Linha Chave e Desenho Permacultural.
– Entre os dias 11 e 17 estarei com o amigo Sérgio Olaya ministrando o curso Agricultura Familiar e Empreendedorismo Socioambiental na Fazenda The Green Man em Inconfidência, RJ. Esse curso oferece 3 módulos: Tomada de Decisão Holística, Desenho Permacultural e Agricultura Sintrópica.
– Oficina de Desenho Permacultural na Chapada dos Veadeiros (a ser confirmado).