Curadoria de notícias Impacto Positivo – 11/09/20

A curadoria das notícias que circularam em nossas redes essa semana cobrem desde a alta do Cacique Raoni, passa pelo questionamento da validade dos títulos verdes e volta ao documentário Ser Tão Velho Cerrado que denuncia como o agronegócio tem degradado o berço das águas de várias bacias hidrográficas no país e aponta as soluções realmente ecológica e economicamente viáveis para essa região.

Nota: Curadoria feita por Vitor Signori, Felipe Maia e Eurico Vianna. 

Começamos a semana com a ótima notícia compartilhada por Horacio Luz da recuperação e alta hospitalar do líder indígena cacique Raoni, um sopro de esperança em meio a tanto caos. Segue o link:

https://twitter.com/InstitutoRaoni/status/1301929535772987394?s=20

No começo da semana tivemos uma conversa muito boa sobre os prós e contras do veganismo e onivorismo ético. O senso comum foi de que precisamos focar a energia naquilo que nos une que é a regeneração sócio ambiental do planeta. Segue um vídeo bem bacana do movimento Slow Food e o Bem Estar Animal compartilhado pela Marcia Silva. Veganos e onívoros éticos seguindo unidos pela restauração. Segue o link:

Joyce Lemos compartilha o Podcast do Boletim do Fim do Mundo com Bruno Torturra, uma conversa com o ex-diretor de proteção ambiental do IBAMA, Luciano de Meneses Evaristo, que foi exonerado por Bolsonaro. Luciano é um dos responsáveis pelos anos de fortalecimento do Instituto e queda recorde no desmatamento. Ele dá um panorama sobre a situação dos fiscais ambientais no Brasil de hoje. Crime organizado na floresta, garimpo ilegal, a perspectiva do chão da floresta e como o órgão mais importante de fiscalização ambiental do país está ruindo.

Um outro debate que rolou em nossas redes foi em volta da notícia da primeira emissão certificada de título verde para um agricultor no mundo. O Eurico Vianna comentou que o grande desafio para essa tendência, uma vez que ela vem da lógica do mercado de especulação financeira, além de ter métricas verdadeiramente regenerativas para os ecossistema onde funcionam, é restaurar a saúde e qualidade de vida das pessoas no campo e o acesso à terra. Segundo o Eurico, pouco adianta criarmos um mercado de comódites orgânico que nada faz pela agricultura familiar e que continua concentrando terra e renda. Segue o link:

https://ciorganicos.com.br/biblioteca/rizoma-e-grupo-ecoagro-realizam-primeira-emissao-certificada-de-titulo-verde-do-mundo/

Vilmar Lermem compartilhou o documentário Ser Tão Velho Cerrado, apesar de se tratar de um documentário de 2018, infelizmente o assunto é muito atual, pois aborda como o agronegócio tem desmatado o Cerrado, o segundo bioma mais biodiverso do Brasil para produzir grãos para exportação. O documentário também mostra a importância do cerrado na composição das bacias hidrográficas brasileiras. Apesar de chocante pelos fatos, o documentário mostra o ecoturismo e a bioeconomia como saídas economicamente viáveis para preservação desse bioma:

Gabriela Toledo compartilhou a notícia do Movimento dos Pequenos Agricultores divulgando o Curso Nacional com Sebastião Pinheiro: AGROECOLOGIA E BIOPODER CAMPONÊS. O objetivo do seminário é desenvolver a capacidade de agricultores(as) e camponeses(as) como criadores(as) de biopoder para a produção de alimentos, a partir da agroecologia. Há uma emergência e todos somos como células em um corpo mundial sincronizado, ativo como nunca no mundo, exposto às ações fascistas da eugenia exploratória, devastadora e branca. Segue o link:

https://mpabrasil.org.br/noticias/mpa-convida-para-o-curso-nacional-com-sebastiao-pinheiro-agroecologia-e-biopoder-campones/

Nosso querido Felipe Maia compartilhou o link para Sete vídeo-aulas sobre pensadores negros e suas obras, O pensamento social brasileiro deve muito às obras de grandes autores negros e negras. No entanto, a produção de intelectuais afrodescendentes não é tema recorrente de destaque. Fica a dica:

https://almapreta.com/editorias/realidade/sete-video-aulas-sobre-pensadores-negros-e-suas-obras

David e Tatiana Peebles, pai e filha que tocam juntos o Yaguara Ecológico, um verdadeiro atelier de gastronomia, produção rural e restauração ecológica estarão com a gente no #podcastimpactopositivo nesse domingo, dia 13/09 as 19h. Eles preservam, cultivam e criam alimentos regidos pelo ritmo da natureza. São artesãos da ecogastronomia e tem um sentimento de pertença e conexão especial com chão que pisam em Taquaritinga, PE. Eurico vai aproveitar a oportunidade para lançar a edição de Outubro do Curso de Introdução ao Planejamento de Propriedades Rurais. Segue o link para o podcast com a família do Yaguara Ecológico esse domingo:

https://www.youtube.com/channel/UC8q65PXvwIoURL272bymW-A

O objetivo principal do curso é harmonizar as vocações das pessoas, a maneira como querem viver e se expressar com as aptidões do agro-ecossistema onde vivem. É criar resiliência ecológica e hídrica para os sistemas de produção que, por sua vez, trarão a viabilidade econômica. Compartilhamos aqui também o link para o formulário de inscrição:

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdtcBRbKos-OFyCJvuNQrm_iPM4VwWrnafnAHXVInma0o_viQ/viewform

Se você gostou da curadoria apoie nosso time compartilhando em suas redes com uma recomendação pessoal. Se inscreva no canal e curta a página no Facebook. E participe dos grupos de WhatsApp e Telegram.

Mudança boa se faz em boa companhia!